Bem Aqui Assim

novembro 13, 2009

Filed under: Sem-categoria — alnneves @ 12:59 pm

No trabalho. Sempre escrevo ouvindo uma musiquinha. Hoje botei uma playlist sem seqüência lógica pra tocar no modo aleatório. É verdade que hoje não acordei num dia bom [aliás, acordar em dias ruins parace que anda virando rotina] e quando a gente acordar assim tudo parece bater de maneira diferente. Quando, em fim, estava conseguindo me concentrar no trampo, eis que o Alceu Valença começa “um girassol nos teus cabelos/ batom vermelho, girassol”. Parei tudo. Sem sentir, parei tudo e fui transportada para vinte e tantos anos no passado. No tempo que os dias tinham cheiro de flor e terra molhada, o sol coloria a vida de uma forma diferente. As férias em Recife, na casa da minha tia. Família reunida, conversas e risadas altas, música tocando o dia todo, gente entrando e saindo, crianças correndo, imaginação a mil. A geladeira velha, esquecida no quintal, virava o nosso carro, o quartinho dos fundos era o nosso castelo. A sombra da mangueira, o pipoqueiro que passava todo fim de tarde e eu, que nem sabia o quando seria difícil crescer, que não imaginava que pessoas acordassem em dias ruins. Ouvindo a voz do Alceu, lembrei como ele cantava alto naqueles dias tão felizes. Tão alto, que ecoa na minha memória até hoje e consegue, sem saber, me arrancar o primeiro [e talvez o único] sorriso do dia. Na cabeça, passam como um filme em câmera lenta, as cores e movimentos daquele tempo. Lembro como acordar era bom. E já acordava correndo, rindo, sem esperar o fim do dia. Me senti de verdade lá. E sei que estava sim. A música acabou antes que eu conseguisse descobrir um meio de ficar lá pra sempre. Lá onde acordar era uma alegria. Caí sentada numa cadeira que não me cabe, na frente de alguns pepinos pra resolver e mais um dia não muito bom para vencer. De volta ao trabalho.

Anúncios
 

3 Responses to “”

  1. Alicia Melo Says:

    a gente precisa ver um show do Alceu Valença pra tu tirar do about q nunca viu um.
    =*

  2. Naty Says:

    Tbm das antigas ó: “Se lembre que eu ha mto tempo tiamu, tiamu, tiamu-u-u!”
    beijo, meu bem

  3. Paula Says:

    gatan, er…meu nome é Paula Nostalgia. aí quando eu leio um texto desse, vira Paula Nostalgia Ao Cubo.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s